PESQUISA

Como o ornamento egípcio se desenvolveu

Uma das culturas mais antigas e misteriosas do mundoa terra é egípcia. Seus edifícios grandiosos, conhecimentos e ensinamentos sem precedentes, pintura e escrita - tudo não é totalmente compreendido. No entanto, todos estão bem conscientes da beleza deste mundo antigo, onde cada detalhe é admirável. Portanto, hoje vamos falar sobre padrões e ornamentos egípcios que existiam nessas terras antes mesmo do surgimento do estado, e nos anos seguintes apenas mudaram, preservando as antigas tradições.

Ornamento egípcio

Inicialmente, todos os desenhos que surgiramantigos habitantes, baseavam-se em figuras geométricas e linhas retas. Foram precisamente essas formas que se formaram perfeitamente através da interconexão de padrões uniformes. Portanto, o primeiro ornamento egípcio, que chegou até os nossos dias, manteve esse rigor em si mesmo. Vale a pena notar que, mesmo assim, por trás dos contornos das figuras geométricas, os motivos vegetais eram ocultos. No padrão, pode-se ver pétalas, hastes de flores e folhagens.

Padrões e ornamentos egípcios

Também é importante notar que, desde os tempos antigos, qualquerO ornamento egípcio, em qualquer região do país em que foi escrito, permaneceu fiel a essa tradição "floral". O fato é que por volta de 3050 aC o Egito tornou-se um único país, governado pelo notório rei Menes. Foram introduzidos comuns para todas as leis, uma única religião. Foi ela quem desencadeou o motivo da flor nos padrões: a deusa suprema Ísis tinha um atributo especial - uma flor de lótus. Suas pétalas e sua imagem integral figuravam em todos os ornamentos que datam do período do Antigo Império. Muitas vezes, essa planta tecia raios solares, porque esse deus também era adorado pelos egípcios.

imagens de egyptian ornament

Nos anos seguintes, o ornamento egípcio cessouser unido por um país grande. Em algumas regiões, os moradores mostravam folhas de aloe nos desenhos - essa planta era sagrada, porque, apesar do calor escaldante, retinha todos os sucos úteis. Os habitantes dos vales, localizados perto do Nilo, codificavam nos padrões imagens de data e coqueiros, espinhos e amoreiras.

Algum tempo depois apareceu eornamento egípcio animalesco. Os habitantes de um país quente, é claro, retratavam os animais que viam ao lado deles: macacos, gansos, cobras, garças, falcões e peixes. Vale a pena notar que a última razão aparece especialmente muitas vezes - está em artigos de casa, em casas e em livros.

Naqueles dias, a base da gramática, a únicaO ornamento egípcio era uma fonte escrita. Fotos representando a cruz significavam a vida, as silhuetas inclinadas das pessoas testemunhavam a eternidade. Assim, um sistema de hieróglifos nasceu gradualmente, o que mais tarde se tornou um sistema de escrita completo. Outra coisa que os egípcios atribuem grande importância é o infinito. As imagens simbólicas deste conceito são características de qualquer ornamento, desde que seus motivos se repetem infinitamente, mudando um ao outro. Então os egípcios tentaram retratar o infinito do ser.

Padrões egípcios estão presentes em todas as áreas.vida, variando de pratos comuns e terminando com os templos divinos e tumbas dos faraós. Os verdadeiros conhecedores dessa cultura usam uma técnica similar de arte para decorar suas próprias casas, e ela fica ótima em qualquer combinação.

  • Avaliação: