PESQUISA

O que a linguagem das flores diz?

Na vida há situações em que é muito difícilescolha as palavras certas. As pessoas costumam usar a linguagem de sinais para expressar seus pensamentos, sentimentos e emoções, o que pode dizer mais do que uma frase bem formada. Para os dançarinos, está disponível a linguagem corporal, que é expressa em movimentos e pode ser muito eloquente para aqueles que a compreendem. Mas talvez poucos saibam que as flores podem falar sua própria língua, que é chamada de "linguagem das flores". Para falar sobre seus humores e sentimentos, sem recorrer a palavras, você só precisa coletar o buquê certo. Aqui serão importantes espécies de plantas, suas cores, bem como o número.

linguagem das flores

De acordo com dados históricos, a linguagem das flores nasceu emLeste, e mais precisamente - na Turquia. Seu progenitor era o sistema Selam, desenvolvido por mulheres orientais que estavam trancadas em um quadro social severo e não tinham a oportunidade de se comunicar. Selam é um sistema de símbolos em que cada item tinha seu próprio significado e, a partir de suas combinações, eram frases compostas que carregavam as informações necessárias. A Europa aprendeu esta linguagem secreta em 1727 a partir de notas de viagem de dois viajantes que visitaram Istambul e aprenderam sobre a vida das mulheres muçulmanas.

Vanessa Dieffenbach linguagem das flores

Então, no século XVIII, a linguagem das flores, que era paramuitos únicos meios de comunicação, era muito comum, e cada buquê era um portador de informação. O que era importante não era apenas a sua composição e variedade de cores, mas também o tempo e o método de oferecimento (florzinhas para cima ou para baixo), a presença de folhas, espinhos, etc.

Em 2011, atenção para este tópico esquecidoatraiu Vanessa Dieffenbach. "A língua das flores" é o nome do livro, que fala sobre a vida de uma menina de 18 anos que cresceu em um orfanato, que tem medo de pessoas, suas palavras, toques e todo o mundo. Ela encontra harmonia e paz apenas em seu jardim, onde ela cultiva suas plantas favoritas. A linguagem das flores para ela é a principal maneira de se comunicar com as pessoas.

língua da flor do gerbera

A sociedade moderna não atribui muita importânciacomposição do bouquet, prestando atenção apenas ao lado estético da questão. No entanto, ao selecionar flores em diferentes casos, a relevância de um determinado tipo para esse problema é avaliada. Além disso, a condição de um número par ou ímpar de botões em um buquê é sempre observada. Hoje, como sempre, o vermelho é a cor do amor e da paixão, o branco é ternura e pureza, o amarelo é um símbolo de bem-estar financeiro ou um clima ensolarado e, mais recentemente, significava infidelidade e separação. Mas mesmo agora, em diferentes países, uma cor de cores é interpretada de forma diferente. No Japão, o amarelo é um símbolo de luz e de bem, e no povo judeu é a cor do pecado. A cor branca também pode ter vários significados, dependendo da ocasião, em alguns casos, simboliza a tristeza. O verde é a cor da esperança e o rosa é romance e ternura.

Rose como a reconhecida rainha das flores sempresimboliza o amor. Reconhecimento de sentimentos sinceros - este valor dá às tulipas vermelhas a linguagem das flores. Gerberas são positivos e sorriem, misturam e flertam. Estas flores têm muitos valores positivos, podem ser dadas a homens e mulheres, amigos, colegas e amantes. Ao apresentar um buquê de gerberas, você expressa simpatia pela pessoa. Composição amarelo-laranja destas flores vai iluminar a casa com alegria e bom humor.

  • Avaliação: